"Sê a mudança que queres ver no mundo."

agosto 30, 2016

Imagem de unsplash.com

2016 está a ser definitivamente interessante - e ainda há tanto para viver! No meio de tantas gargalhadas, aventuras, viagens e sorrisos tenho que destacar uma das maiores - e mais gratificantes - responsabilidades que já assumi.

Desde Julho que sou Presidente da Direção de uma Instituição de Solidariedade Social. É um trabalho esgotante e bastante cansativo, como imaginam não é muito fácil gerir uma instituição com poucos recursos económicos e muitas despesas, mas é, também, muito gratificante.

Ao contrário do que muitos pensam é um trabalho completamente voluntário, sem qualquer tipo de remuneração e que absorve um número considerável de horas durante a semana no entanto, espero chegar ao fim deste mandato e dizer com orgulho que contribui para tornar aquela instituição - e um bocadinho do nosso mundo - um lugar melhor.

You Might Also Like

10 comentários

  1. Deve ser uma experiência em tanto :)

    ResponderEliminar
  2. É tão bom haver pessoas como tu neste mundo! Espero que chegues ao fim com a sensação de dever cumprido (:

    ResponderEliminar
  3. Parabéns pelo cargo, é sem dúvida uma tarefa difícil, principalmente quando se fala de uma instituição sem fins lucrativos (não sei se é o caso). Há quem diga que quem corre por gosto não cansa, mas não é bem assim. Mas ver o trabalho a dar frutos e conseguir melhorar sempre um pouco mais é sempre gratificante :)
    Espero que continues com essa determinação e coragem.
    Beijinho, Kati

    ossegredosdakati.blogspot.com

    ResponderEliminar
  4. Estás de parabéns, é um compromisso muito nobre e sem dúvida que, à tua maneira, estás a mudar o mundo, o teu e o dos que usufruem dos serviços da instituição. Sou assistente social (ainda não terminei o curso mas já exerço em part-time) e sei o quanto o contacto com grupos e pessoas em estado vulneráveis nos toca o coração e nos muda.

    ResponderEliminar
  5. Acho que fazes muito bem e deviam de haver mais pessoas com essa força!

    ResponderEliminar
  6. ohhh :) isso é absolutamente divinal... Aquele sentimento de dever cumprido.

    ResponderEliminar