O Drama das Entrevistas.

dezembro 20, 2014

Quando se falava de procurar trabalho a questão "entrevista" deixava-me sempre com os nervos em franja. Entregar currículos tudo bem, é apenas um papel, resume a nossa experiência académica e profissional, nada de especial, oh mas a entrevista... A questão dos nervos e de impressionar a outra pessoa, é algo forte, um momento importante e decisivo, por vezes mais importante que o próprio currículo. Um momento em que tudo depende de nós.

Nos últimos meses tive duas entrevistas, uma para o estágio - que consegui - e, mais recentemente, uma para um emprego - que também consegui!- e, nesta última, já consegui controlar melhor a situação mas não sei antes passar pela fase de querer arrancar os cabelos e bater com a cabeça na parede.

Como tal, porque sei bem o que custa e a importância que determinado estágio ou emprego podem ter em início de carreira, estou a preparar uma publicação especialmente dedicada às entrevistas profissionais. 

Que vos parece? Interessados ou nem por isso? 

Workplace

You Might Also Like

8 comentários

  1. parece-me muito bem, até porque há imensos jovens a iniciarem-se no mundo do trabalho que bem podiam usar umas dicas ... como eu

    ResponderEliminar
  2. macilar desalinhado, a coisa não fecha, parece que tenho sempre a boca aberta =P

    xoxo

    ResponderEliminar
  3. Acho que fazes mesmo bem.
    Felizmente já consegui encontrar trabalho, mas também fui a mais 5 entrevistas durante este processo de procura de trabalho!

    r: Sim, é praticamente isso. Só não leva alho, mas sim cebola!

    ResponderEliminar
  4. Acho uma ótima ideia e super útil :) R: obrigada :)

    ResponderEliminar
  5. Estou muito interessada :) eu já fui a umas três ou quatro entrevistas mas infelizmente nunca fiquei com os lugares. Se calhar fiz algo de errado, não sei :s mas estou curiosa para ver esse post :D

    ResponderEliminar
  6. Umas dicas são sempre bem vindas :)

    ResponderEliminar
  7. Publica que estou bastante interessada nisso, espero em breve aventurar-me e estou a panicar com isso.

    ResponderEliminar