O melhor do meu dia # 9 (de ontem).

fevereiro 20, 2014

Receber um telefone de um dos melhores amigos de sempre para ir dar uma volta, ir buscar o outro melhor amigo à faculdade, lanchar, andar pela cidade, passar 47 vezes pelo mesmo local, visitar os avôs de um deles e ser recebida como se estivesse lá todos os dias.

É tudo muito bom mas o melhor de tudo é estarmos os três juntos outra vez e, apesar de estarmos meses separados,  parecer que nada mudou. Não existem aqueles momentos de silêncio constrangedores em que parece que não surge qualquer assunto e um mexe no cabelo, outro no telemóvel e outra olha para o lado. Connosco nada disso existe. É tudo simples, descomplicado e natural. Não existem cobranças nem dramas. Podemos falar sobre aquele momento que nos deixou completamente de rastos ou simplesmente rir. Rir de tudo e rir de nada. Rir sem razão nenhuma até as bochechas doerem e chorar de tanto rir porque sabemos que não importa o que aconteça nem o tempo que passe há coisa que nunca mudam. Nós mudamos, crescemos, vivemos,  sorrimos, choramos mas a nossa amizade cresce connosco.

Apenas amizade. No estado mais puro e sincero que pode haver. Não poderia estar mais grata por aqueles dois. Não sei o que fiz para merecer duas pessoas tão fabulosas na minha vida mas vou fazer tudo para as manter, sou muito grata por eles e por cada momento que passamos, porque longe ou perto estamos sempre juntos e isso significa muito.

http://www.wattpad.com/10527988-until-the-end-a-zak-bagans-story-chapter-4

You Might Also Like

0 comentários